Você está aqui:Home»Blog»Aniversário de Casamento

Aniversário de Casamento

Sábado, 01 Agosto 2009 17:14 Escrito por 
Era um casal bonito. Estavam juntos há décadas. Todos os anos, na data do casamento, alguma comemoração acontecia. Ela adorava festa em casa. Dava uma trabalheira, mas ela nem tinha dúvida que valia a pena. Ele relutava, vinha com ponderações e sugestões de outras formas de comemorar, mas devia ser para fazer charme, pois quando a festa acontecia, ele se colocava no centro, dava as cartas, era o rei e não tinha para mais ninguém. Uma das comemorações ficou memorável. Foi um jantar para toda a família e amigos próximos. O estoque de piadas do anfitrião era enorme e os risos transbordaram noite adentro. Antes de servirem a sobremesa, ouviu-se aquele som de talher no copo pedindo atenção. O dono da festa iniciou um discurso para sua esposa. Eram palavras que lembravam os tantos momentos de amor, saudades, alegrias e enormes desafios que passaram juntos. Algumas lágrimas escaparam dos olhos azuis daquela senhora. Num dado momento, ele colocou em suas mãos um presente. Ela foi desembrulhando devagar. Qualquer lembrança seria muito bem recebida, mas quase perdeu a fala quando abriu a caixa aveludada azul.  Era uma gargantilha de ouro espetacular. Todos aplaudiram. A dona do presente nem podia acreditar, dizia baixinho que ele devia estar maluco, que não tinham dinheiro para essas extravagâncias e ao mesmo tempo demonstrava o quanto estava achando lindo. Foi bonito ver aquele homem colocando a jóia na sua mulher. Os convidados foram conferir de perto o presente. Cada um deixava um comentário. A festa seguiu até tarde. O último convidado saiu junto com o sol. Foi um sucesso. Tudo. Ela tentou dar um jeitinho na desordem, mas resolveu deixar para depois. Ao se preparar para dormir, pediu ajuda para tirar a jóia. Ele lhe perguntou se ela havia gostado. Ela disse que era evidente, mas que ainda achava loucura... Ele foi delicado, mas a interrompeu. Pois é querida, amanhã vou devolver essa jóia para a loja. Peguei emprestado para você usar hoje. Só hoje.  Ela entendeu tudo. E adorou. Trocou aliviada uma enorme dívida pela idéia bem humorada do marido. Custou a fazer silêncio naquele quarto naquela noite. Certamente não foi por conta da gargantilha...   
Lido 1045 vezes
Avalie este item
(1 Votar)

Comente e Compartilhe

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*).

Newsletter

Receba as atualização do site por e-mail.

Os + Lidos

Facebook